Paróquia de Ipu realiza Solenidade da Vigília Pascal e missa Domingo de Páscoa

segunda-feira, abril 21, 2014

Em comunhão com todas as comunidades cristãs espalhadas pelo mundo todo, a Paróquia de Ipu teve a alegria de celebrar a Solene Vigília Pascal; a celebração mais importante do ano, a mãe de todas as vigílias. Um forte momento para fortalecermos nossa fé em Jesus Cristo que venceu a morte e o pecado. 

Nesse ano, a Vigília começou por volta da meia-noite, dia 19/04, (passagem do Sábado para o Domingo), com a Benção do Fogo no Santuário de Nossas Graças (Bairro da Boa Vista). Em frente ao Santuário foi feito uma fogueira que serviu para ascender o Círio Pascal, que por sua vez nos recorda o Cristo Ressuscitado. Depois da Benção do Círio, o povo de Deus saiu com suas velas acessas em procissão pelas Ruas de nossa Cidade até chegar a Igreja Matriz. Em seguida, dando continuidade a Solene Vigília Pascal, Pe. Nonato cantou solenemente a Proclamação da Páscoa, enquanto o povo de Deus em silêncio e com suas velas nas mãos acompanhava todo o rito com profundo respeito. 
A segunda parte da Celebração se deu por meio da Liturgia da Palavra na qual proclama as grandes maravilhas realizadas por Deus ao longo da história da humanidade, desde Gn 1,1¬.26-31ª/Hino da criação, passando por Ex14,15-15,1/Passagem do Mar Vermelho até o anúncio do Evangelho Mt 28,1-10/que narra a aparição de Jesus Ressuscitado às mulheres, que são mandadas para anunciar a ressurreição aos irmãos. Dentro dessa mesma Liturgia é importante destacar a Proclamação Solene do Aleluia Pascal, feito pelo Pe. Nonato e repetido pelos fiéis (três vezes), antes do Evangelho. 

Outro momento muito significativo foi a Liturgia Batismal, por meio da qual é renovada as promessas do Batismo e ao mesmo tempo tivemos a alegria de acolhermos como Igreja três novos membros (crianças) que foram batizadas. Dentro dessa mesma Liturgia aconteceu a Benção da água na qual é submergido o Círio Pascal, simbolizando a descida de Cristo no sepulcro e sua respectiva ressurreição. Finalizado esse momento, a Celebração deu continuidade com a Liturgia Eucarística, na qual destaca a ideia de Cristo Cordeiro Pascal que tira o pecado do mundo – que destruiu a morte e ressurgindo deu-nos a vida. Por fim, depois da Benção Final, aconteceu uma breve procissão com a imagem do Cristo Ressuscitado.
Na manhã deste domingo (20), fiéis lotaram a Igreja da Matriz de São Sebastião. A missa solene de Páscoa foi comandada pelo vigário paroquial Pe. Elanio.
Muitos fiéis não conseguiram entrar na igreja e acompanharam a celebração religiosa fora da Matriz.
A data em que se comemora a ressurreição de Jesus Cristo, possui um significado especial para os católicos. De acordo com a paroquiana Maria das Graças, que participou da solenidade, a Páscoa têm um significado especial. “A Páscoa representa a alegria de estar com Jesus, paz, Vida Nova, descreveu.
Segundo a tradição católica, o sacrifício de Jesus Cristo ao morrer na cruz para salvar seus irmãos deve ser relembrado. E teria sido no domingo que a vida venceu a morte e o filho de Deus ressuscitou.

Galeria de Fotos: