Pe. Zezinho comemora 51 anos de vida sacerdotal e é recebido pelo Papa Francisco

quinta-feira, setembro 21, 2017
Padre Zezinho conhecido sacerdote e cantor católico comemora neste 21 de setembro, 51 anos de vida sacerdote, ele que esta no vaticano e foi recebido pelo Papa Francisco.

Acompanhe detalhe deste dia festivo, no vídeo postado no facebook da Radio Vaticano
Biografia:

José Fernandes de OliveiraSCJ, conhecido como Padre Zezinho (Machado8 de junho de 1941) é um padre dehonianoescritor e músico brasileiro.
Seu pai era violeiro e foi dele que herdou o amor pela música. Quando criança, José Fernandes passou a conviver com os padres, que davam assistência à sua família. Zezinho é o mais jovem de seis irmãos. Quando tinha dois anos de idade, sua família mudou-se de Machado para Taubaté, depois de seu pai ter sofrido um acidente e ficar paralítico. Aos onze anos, ingressou no seminário dos padres dehonianos.
Ordenado padre aos 25 anos de idade, em 1966 nos Estados Unidos, adotou no ano seguinte o teatro e a música como meios de evangelização e, em 1969, também os meios de comunicação com este propósito.

Carreira

É considerado um dos maiores nomes da música cristã, e um dos pioneiros neste gênero musical. Começou a compor em 1964 e iniciou sua carreira de cantor em 1967. Em 1969, gravou Shalom, seu primeiro compacto, pela Paulinas COMEP. Foi também um dos pioneiros no uso de instrumentos modernos como a guitarra elétrica e a bateria na música religiosa.
Atualmente, Padre Zezinho apresenta um programa em diversas emissoras de Rádio Católicas no Brasil, gerado a partir de São Paulo e intitulado "Palavras que não passam". Apresenta também um programa com o mesmo nome na TV Século XXI, da Associação do Senhor Jesus. Também gravou discos em mais de cinco idiomas.
Algumas de suas canções mais famosas são Um Certo GalileuMaria de NazaréAmar Como Jesus Amou (gravado em Portugal por José Cid), Oração pela Família (versão para Portugal de Star Light e a dupla Nelo Silva e Cristiana), És Água VivaMaria da Minha InfânciaAlô Meu DeusIlumina, IluminaEstou Pensando em DeusUtopiaTua palavra, SenhorMãe do Céu MorenaUm Coração para AmarQuando Jesus PassarCidadão do InfinitoNova GeraçãoMinha Vida Tem SentidoDaqui do Meu LugarDe Lá do InteriorPalavra de SalvaçãoCantiga Por um AteuCantiga por FranciscoÉ Muito Jovem a Minha OraçãoMini SermãoIeshuáHá um Barco Esquecido na PraiaFilho PródigoVocação e Glória a Deus na Imensidão.
Em 2010 recebeu a indicação para concorrer ao Grammy Latino na categoria "Melhor Álbum de Música Cristã em português".
Em 2012, sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC), o que afetou principalmente sua memória, deixando-o com certas limitações de comunicação. Aos poucos vem retomando suas atividades, mas sob acompanhamento médico, recorrendo a anestesia localizada.

Fonte:Wikipédia