Polêmica sobre ideologia de gênero em Sobral

quarta-feira, fevereiro 21, 2018
Padre Assis Neto escreve sobre a aprovação na Câmara Municipal de Sobral do veto do Sr.prefeito Ivo Ferreira Gomes.

Caros irmãos e amigos Boa noite! Meu coração (e de centenas de pessoas) enche-se de vergonha e tristeza pelo ocorrido na Casa do Povo (Câmara Legislativa de Sobral) onde a maioria dos vereadores presentes "votaram" pela manutenção do veto do Sr Prefeito de Sobral ao tema da Ideologia de Gênero. É triste! É vergonhoso! Continuaremos com a defesa dos valores cristãos! 

A família será a mais especial bandeira a ser defendida e com ela a educação de nossas crianças e jovens. Ainda somos os responsáveis (de fato e de direito) pela formação daqueles que dependem muito de nós para terem uma infância saudável e sem as influências perversas. Não aceitaremos que nossos filhos sejam tão sorrateiramente vilipendiadas. Agora sabemos a posição de nossos vereadores e quais são os "interesses" que defendem. 

Muito bonito dizer que não aceita qualquer tipo de ameaça a família e fazer justamente o contrário. Isso é digno de um prêmio! Quanto teatro! São verdadeiros atores diante da vontade e dos interesses de seus padrinhos políticos. Quero vê-los (agora) falando de família, de educação, de segurança olhando para nós depois de uma atitude tão reprovável. Meus parabéns ao edis que fortemente mantiveram suas posições e que lutaram até os últimos momentos pela derrubada do veto. 

Não nos preocupemos. O reinado do mal cai por si mesmo! Talvez tenhamos perdido uma luta... a batalha continua! Agradecemos a todos os cristãos (católicos, evangélicos e pessoas de boa vontade) que participaram de forma pacífica e orante de toda a manifestação. Continuemos juntos! Com meu abraço fraterno. 

Pe. Assis Neto.